Caiu na net novinha super boqueteira batendo uma siririca do amante de josé bonifácio – sp

visualizações

1 min 21 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

1 min 21 seg

Categoria:

Tag: ,

Caiu na net novinha super boqueteira batendo uma siririca do amante de josé bonifácio – sp

Caiu na net novinha super boqueteira batendo uma siririca do amante de josé bonifácio – sp

Fiz o seguinte, sabia que minha Tia Josefa toda terça-feira ia fuder com meu pai na cachoeira do sitio, com o pretexto de ir fazer uma limpeza de corpo coisa de espiritismo, mentira da porra dizia que precisava ficar só para purificar corpo e alma nua na cachoeira, ninguém tinha coragem de ir lá ver, meu pai vinha por dentro da fazenda que ele administrava por trás da cachoeira amarrava o cavalo e socava pica adoidado na minha tia que ficava alucinada falava cada loucura que as vezes eu achava que tava encorporada de algum encosto bravo, descobrir porque fui da meu cuzinho lá uma vez a um vaqueiro de quase 80 anos procurando uma vaca desgarrada entrou nas terras de pai, encontrei o velho e cobrei pedágio, ou seja em pica só saia com ou sem vaca se me comesse o velhinho disse olha gente e eu que achei que nunca mais ia comer ninguem eu nessa idade me aparece um franguinho deste venha cá meu filho e fomos montei e indiquei a cachoeira era tardizinha o sol pra se pôr quando lá chegamos pra minha surpresa peguei meu pai enfiado todo no rabo de minha tia eu cheguei a sentir as bolas batendo na minha bunda do jeito que ele a fodia, o coroa falou: deu merda vamos vazar daqui. aí me virei de ladinho e ele bateu uma siririca pra mim.

aumentei as picadas de um jeito bastante parecido como uma transa normal, o tamanho dela facilitava muito, ela estava bastante relaxada, ao ponto em que eu tirava a pica pra fora e depois metia de novo!coloquei minhas duas mãos nos lombos dela, e comecei a fuder ela sem dó numa velocidade que eu sempre fazia para deixar as mulheres loucas … para facilitar ainda, a cadela não tinha rabo dava pra ouvir e ver as minhas bolas batendo por cima das tetas dela, eu olhava por baixo, os meus testículos parecia um saco de um bode velho,o estalo era alto, pois eu estava muito suado e os meus testículos estavam bem molhados por causa do calor, isso me excitava mais. Era uma excelente boqueteira, a Laura. O pau dele estava super duro mesmo depois de ter gozado, então ele sussurrou bem baixinho no meu ouvido:“Posso comer seu cuzinho?”Eu deixei porque estava muito bom, mas eu tinha muito medo de fazer anal por causa da dor, só pedi pra ele ser gentilEle colocou o pau no meu cuzinho e não doeu muito, foi até bom, enquanto ele metia no meu cuzinho e acariciava meu clitóris ao mesmo tempo.

Não acreditava que aquela gatinha, pequenina e novinha pudesse ser tão safada.

Tive um momento que o sortudo tem que conviver, quando sentávamos vc de pernas cruzadas, sua coxas continuava atraído olhares deixando o tesao brotar nos dançarinos que não conseguiam disfarçar seus olhares e eu vibrando de ver minha amante gostosa e provocante ser desejada por tantos e se entregando pro negão que ficava ainda mais doidao de tesao por está te exibindo e ver vc que insinuava com seu charme e sua sensualidade deixando os caras de olhos cravados em vc.