Caiu Na Net Sortudo Comendo A Ninfeta Da Faculdade Depois Da Aula

Caiu Na Net Sortudo Comendo A Ninfeta Da Faculdade Depois Da Aula

Caiu Na Net Sortudo Comendo A Ninfeta Da Faculdade Depois Da Aula

"-GOSA PRA MIM NEGÃO, GOSA NA BUCETINHA DA SUA NINFETA, GOSA PRA SUA PUTINHA GOSA, ME ENCHE DE PORRA QUENTINHA AMOR, ME DÁ TODO LEITINHO. Liguei a torneira da banheira e fiquei de joelhos, ele sentou na quina e eu comecei mamar a rola dele, eu dava umas mordidas pela inexperiencia, mas ele falou que era normal…-Deixa eu meter nessa bundinha primo…ela eh tao gostosaNaquela epoca eu n tinha desenvolvido pelos, todos meus amigos tinham barba e eu la, todo lizo, oque deixou ele com mais tesao. Eu sabia que devia estar doendo pra caralho, pois minha pica é muito grossa, mas resolvi me vingar um pouco da dor que que havia sentido antes.

Nas tardes, enquanto o marido trabalhava, ela dava…"Ai ai ai penso… Que delicia se eu pudesse fazer isso!Bom, cai de boca… mamei devagar no começo, só a cabecinha e punhetava ele ao mesmo tempo… ele em pé e eu ajoelhado…-Que sortudo esse meu cunhado…Casado com uma gostosa como você?Qualquer homem estaria nos céus…– Delicia. Depois que eu fiquei duro novamente. Eu deixei fluir, até que chegou meu ponto, assim que descemos ele me pegou pela mão e me puxou até um bar, estava fechado e o toldo estava aberto, ele me grudou na parede abaixo do toldo e me agarrou, me beijava como se nunca tivesse feito aquilo antes, eu deixava ele me dominar porque sou submissa, e estava gostando daquilo, a adrenalina de passar algum carro ou mesmo pessoas, apesar de ser tarde e de o toldo proporcionar um escurinho….

Percebi na hora que as fotos tinham sido tiradas no quarto de meus pais, não restavam mais dúvidas pra mim aquele tremendo pilantra subversivo andava comendo minha mãe.

Primeiro foram beijinhos mais demorados, depois foi o lance de passar de uma cama para a outra e dormirem juntas, se beijando, se tocando, enfiando os dedos nas xotinhas… nada de muito especial, muitas garotas viveram essa situação também. Jogo-a no chão e a estupro sem dó nem piedade,nem que depois vá dar com os meus costados na cadeia!” Jamais vimos a professora Luciana com o seu marido, mas o “DIVA – Departamento de Informação da Vida Alheia” da Faculdade informava que ela não vivia um casamento feliz.