Enteada na Siririca no Banheiro

6 min

Categoria:

Tag: , ,

visualizações

6 min

Categoria:

Tag: , ,

Enteada na Siririca no Banheiro

Enteada na Siririca no Banheiro

Esperei, ela voltou, toda penteada, mas ainda toda nua. Por motivos de ordem pessoal não direi aqui o meu nome, sou uma garota de 18 aninhos, que logo em sua primeira vez se descobriu uma submissa, pretendo postar neste site, algumas das minhas aventuras, cabe salientar, todas verídicas e em ordem cronológica.

sempre acompanho contos no tema deEu apenas concordei com a cabeça, novamente tímida e fomos para o banheiro, onde muita coisa legal aconteceu. -AAAAAAAAAAAAAIIIIIIIIIIIIIIIII, TÁ RASGANDO MEU CUUUUUUUUUUUUUUU, SEU FILHO DA PUTAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAC – E a dona Maria?Daniel toma um banho e vai embora.

Sempre quis contar para alguém, mas infelismente, só em um site como esse para isso ser possível!"Espero que tenham gostadoEspero que tenham gostado da nossa primeira história! Serão todas reais, pois já temos 3 anos de Swingers e temos muitas. Só faltou ele usar a mão direita que estava livre para fazer alguma coisa. Não resistia à sua bunda, olhando sem muita visão, de lado e então puxei-a sem tirar o pau, colocando a de quatro e então ela ficou louca de tesão e disse: “Vem meu garanhão, monta sua eguinha, fode meu cuzinho, fode, fode” e soltava gritinhos de “aiiiii, que pica dura, que gostoso um pauzão no rabo, que delícia dar o cuzinho”, eu admirava a cena dela de quatro com meu pau entrando e saindo de sua cuzinho, a marquinha de biquíni parecia uma pequena setinha indicando o caminho da felicidade, eu apertava sua bunda dura e metia em seu rabinho, segurei ela pela cinturinha fina e encaixei-a em minha virilha, com o pau estocado até o fim em seu cuzinho, metia e sentia meu saco batendo em sua buceta, paralisei por uns segundos e iniciei movimentos de vai e vem como seu corpo, fazendo com que seu cuzinho deslizasse por toda a extensão do meu cacete e ela então começou a alisar a xoxotinha, tocando uma siririca gostosa, enfiava o dedo em sua buceta e apertava o clitóris, eu a levava pra frente e pra trás, pequenina e encaixada em meu pauzão pelo rabinho.