Fodendo O Cu Da Novinha Gostosa

Fodendo O Cu Da Novinha Gostosa

Fodendo O Cu Da Novinha Gostosa

No fundo até gostava de ficar me exibindo…me achando super gostosa. "Depois de uns 10 minutos sentando e rebolando.

Desde quando eu era bem novinha, que comecei a me tocar, nas minhas partes intimas descobrir o que era sentir prazer, ai eu comecei a usar roupas curtas, para me exibir e mostrar todo o meu potencial feminino, deixando os meninos loucos de tesão por mim e foi num final de semana com feriado prolongado, que os meus pais foram viajar e para não ficar sozinha, eu fiquei na casa da minha irmã Mara, que era a irmã do meio, como eu só usava roupas curtas, acabei provocando o seu marido ao ponto de deixa ló doidinho por mim. Achei estranho, porem não dei muito bola.

Pela dureza daquela verga, achei que já dava para dar números àquele monstro. Queres vir?Faltava um ano ainda, mas até lá, talvez o meu pénis se tornasse digno da sua bunda. O rapaz aparentava ter próximo dos 50 anos, barba cheia e óculos. Ele comecou a me foder primeiro de quatro, depois de lado, depois em pe, depois sentei no colo dele e ele ficou me fodendo olhando para mim. Após duas cartas e alguns telefonemas, decorridos uns treze dias desde o primeiro contato, fomos ao encontro do casal, na cidade deles. Assim que se viu sozinho comigo no , galpão, seu Jorge começou a me dizer que sempre teve vontade de estar só comigo. A primeira de muitas vezes, pois até hoje brinco com minha adoravel torneirinha e entro en extase.

Foi uma trepada bem legal e divertida ao mesmo tempo, porque, sabendo das histórias delas com não sei quantos vizinhos, fiquei cutucando-a, querendo saber se haveria mais um vizinho que ela iria “conhecer”.

Um dia, pedi a ele para me ir buscar depois do treino de ballet e como estava atrasada fui para o carro com o maiõ e as sapatilhas de ponta calcados.

As roupas novas seriam justificadas como um presente meu para o aniverssário dela, faltavam ainda dois meses mas não existia desculpa melhor no momento.