Gostosa Fazendo Sexo Gostoso Na Cozinha

visualizações

8 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , ,

Gostosa Fazendo Sexo Gostoso Na Cozinha

Gostosa Fazendo Sexo Gostoso Na Cozinha

Ele sem pudor algum usava somente samba canção e quando minha tia estava na cozinha ou fora de casa, ele se esquecia de se policiar e vez ou outra me media com os olhos famintos.

Chegando na casa dele ele pediu para ela ficar à vontade que não demoraria, e subiu para o quarto, ela se sentou no sofá e aguardou seu retorno, ele então voltou e pegou a mão dela fazendo ela se levantar e não resistiu e soltou um sonoro “PUTA QUE O PARIU”, COMO VOCÊ É GOSTOSA. Nessa altura meu pau estava duríssimo e já no meio das pernas dela, embora ainda por cima da camisola… Eu tirei devagar o pau pra fora, levantei a camisola, comecei a passar a mão nas pernas dela e senti que ela ficava toda arrepiada… fui baixando a calcinha dela até tirar completamente… Nesse momento pela primeira vez ela falou, pois até então ambos estávamos constrangidos e em silêncio: “como teu pau é grande e gostoso… é bem maior que o do teu pai” Aí eu perdi toda a vergonha e disse que achava ela a mulher mais gostosa do mundo, que sentia um tesão doido por ela e que meu sonho era comer a buceta dela….

FATIMA iria me esperar ate as 18hs. A voz grave ganhou um rosto, era um homem de mais ou menos uns 50 a 55 anos,grisalhando,mais alto que eu – algo que considero difícil pois tenho 1,78cm – traços agradáveis tirando o semblante de desespero, diria que um belo homem me ajudou a levantar do chão,não reconheci e não o conhecia, sua mão era grossa e grande acompanhada de uma aliança, ele insistiu em me levar no hospital, eu resisti explicando que não tinha sido nada demais e uma carona até a minha casa seria o suficiente, ele não aceitou disse que me levaria até a sua casa primeiro limparia meus machucados superficiais pois seria o minimo que ele poderia fazer por mim, relutante ou não já tinha perdido toda a vontade de continuar minha corrida e por outro lado uma curiosidade em saber mais do meu “algoz” me fez aceitar a proposta.

Aquela porra quentinha e gostosa encheu minha boca.