Gozando muito na siririca

28 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

28 seg

Categoria:

Tag:

Gozando muito na siririca

Gozando muito na siririca

Estávamos numa espécie de transe, de olhos fechados, e quando os abrimos, Thais também estava em uma maravilhosa siririca, roçando a bucetinha encharcada na quina da mesa.

Fui à loucura… aquele kct deslizando prá dentro tava bom demais.

Espero que goste e você sempre vai encontrar essa especie de cabeçalho em meus contos pra que possa incentivar sua imaginação e pra que fique mais claro que é tudo real de fato.

Não agiientei e gozei na sua boca. rsOlá meu nome é godzilla e esse é meu primeiro conto, bem tudo começou quando eu tinha 25 anos, e era casado com uma mulher de 18, eu era muito ciumento e ela era linda, morena, cabelos longos bunda grande.

Quando ela disse isso eu pensei “ferrou, se eu quero ter a chance de comer essa mulher, agora é a hora de agir”.

Ela abriu a porta e sorrindo me disse :"Enquanto Tony me chupava, Andréia começou a chupá-lo deixando o jumento vivo novamente; Foi quando ela falou:-Olha Tony vc acabou limpando a porra toda, vai ter que colocar mais porra aih dentro novamente, mas com seu pau!!"Meu irmão me fodia com toda força, ele socava rápido e cada vez ia mais fundo e bem fundo, meu macho socava tão gostoso, que acabei gozando de novo e sem menos esperar e sem receber aviso, eu senti jatos e jatos de porra quente, explodindo dentro da minha bucetinha, eu já estava me levantando, quando ele me segurou e falou vem cá que agora vou fazer a festa na sua bundinha, eu me estremeci todinha, ao saber que ele ia socar aquele pau no meu cuzinho.

Transamos 1/2 vezes por mes e por mim transaria a cada 3 horas rs…-Ano passado meu marido viajou para visitar a família e eu fiquei porque precisava trabalhar, fiquei em casa todos os dias até que chegou sexta-feira e meus amigos me chamaram pra uma festa da minha faculdade, como ja estava de saco cheio de ficar em casa fui pela primeira vez em muito tempo sai sozinha pra me divertir com meus amigos e a noite foi ótima, mas acabei bebendo demais e a festa acabou cedo, chegando em casa estava muito bebada e quando fico assim fico cheia de tesão, e como estava acumulado a um tempo resolvi sair.

Demos um tempo andamos até desaparecer dos olhres e parei. Ela respondeu dizendo nao acreditar nisso.

Eu tremia dos pés à cabeça.

Depois ela me punhetava, variando bastante o jeito. Não demorou muito a ereção começou.