Gozando na cara da safada eo corno olhando

15 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

visualizações

15 seg

Categoria:

Tag: , , , ,

Gozando na cara da safada eo corno olhando

Gozando na cara da safada eo corno olhando

O Ivo gozou me chamando de vagabunda, de puta, de piranha safada.

A putinha do corno aqui tá querendo receber rola.

Fiquei tão concentrado, metendo em minha tia enquanto apertava, bolinava e alisava minha mãe, que nem vi meu primo gozando, apenas ouvi, os gemidos de tia Sandrinha recebendo toda a porra de seu filho em sua boca.

Fui para a escola sem nem falar com minha irmã pois sabia que ela tinha armado para mim, mesmo gostando do que aconteceu achei que ela deveria me defender! Minha sala era longe da sala de Rodrigo eu achava que se não saísse da sala fugiria dele, na minha cabeça ele só estava de onda, no meio da aula a professora me chama e fala que meu primo que falar comigo para ir logo e não demora, pensei primo? La estava ela Rodrigo ainda mais lindo com aquele sorriso quase tive um troço! Sai da sala e logo veio me agarrando pela cintura – não esquece do nosso encontro – eu – não dá minha irmã vai para lá com Paulo – então me espera na rua de baixo te deixo em casa vai? Nem respondi só sai andando na sala toda tremulaNa saída da aula lá estava ele em sua bicicleta me esperando na rua atrás da escola sem pensar em nada subi e ele saiu pedalando, eu estava com medo mas minha curiosidade era maior, logo chegamos em sua casa ele me falou que estava só aquela tarde entramos e ele me levou a te seu quarto, estava uma bagunça mas nem liguei fiquei olhando os posteris na parede quedo senti ele me abraçando por trás, não reagi queria muito aquilo só fiquei ali parada sentindo ele acariciar minha barriga e sentura enquanto se esfregava em mim, seu pau já estava duro podia sentir no meu bum bum, ele me virou de frente e beijou desse vez mais forte e intensamente quase perdi o folego, eu estava de saia de pregas e a blusa da escola ele me ergueu e colocou as maus nas minha nádegas firmes e apertou me puxando pra perto e me forçando a abrir as pernas e me colocou com as pernas em volta da sua cintura.