Gravou A Transa Gordinha Madura Tocando Siririca Em Publico Amigo Do Trabalho De Boa Vista – Rr

41 seg

Categoria:

Tag:

visualizações

41 seg

Categoria:

Tag:

Gravou A Transa Gordinha Madura Tocando Siririca Em Publico Amigo Do Trabalho De Boa Vista – Rr

Gravou A Transa Gordinha Madura Tocando Siririca Em Publico Amigo Do Trabalho De Boa Vista – Rr

E Adelmo me perguntou se eu estava mesmo disposta e quem, dos nossos amigos, eu gostaria de transar. Continuei saindo com a gordinha japa (vou chamá-la de Aline) e em todas eu comia ela e ela me comia com o pênis portátil dela, até que um dia ela me fez uma proposta.

Ela não se importou de ser chamada assim,sorriu e fomos os 3 para o quarto,meu coração estava acelerado,estava ancioso pois nunca tinha transado com uma mina e outro cara,estava um pouco tranquilo porque o outro cara,no caso,era meu amigo há anos. – Gabriel ainda estava mudo, atônito com aquilo.

"No final da tarde, cansados mas com o trabalho pronto, o chamei para dentro para trocar de roupa,falei que iria emprestar uma bermuda do meu marido e que ele podiatomar um banho.

Metia com gosto mesmo,até sentir que estava quase tocando meu útero com aquele mastro enorme. Tava na cara que Carina tinha se enganado, que eu nunca seria “alvo” de uma mensagem como aquela, mas, meu primeiro impulso foi salvar aquela imagem na galeria de fotos e o segundo, foi levantar com o celular na mão, ir para o banheiro e me acabar numa punheta pensando e olhando a boceta da minha gerente. Ela gemia de prazer a cada estocada que eu dava, enquanto Thais diante de nos, tocava uma gostosa e feroz siririca com dois dedos dentro da bucetinha, gozamos feito loucos naquela cena inebriante.

Levei-o a diversos locais; no mirante onde se descortinava uma linda vista das montanhas, nas ruínas do mausoléu, em acervos históricos, em áreas tombadas, enfim, andamos pela manhã inteira.

Por volta das 20 horas eu já estava um pouco bêbada quando conheci um lindo homem de 23 anos, forte e com pegada do jeito que eu gosto. Sou casado e temos por volta dos 40, minha mulher trabalhava em uma multinacional, decidiu trocar o stress e $ maior do privado pelo público, virou inspetora de alunos no estado,caindo 70% do rendimento dela. O que seria dos jovens sem elas para lhes ensinarem todos os segredos do bom sexo? Elas são maduras, sabem o que querem, aprenderam tudo de bom numa cama ou fora dela…e gostam de sexo!É o caso de Matilde, a loba de que iremos falar agora.