Menina Safada Abrindo O Cuzinho

Menina Safada Abrindo O Cuzinho

Menina Safada Abrindo O Cuzinho

Com isso, não deu para aguentar mais e anunciei que estava enchendo seu reto de porra.

– Seu pedido é uma ordem – e era verdade, numa hora dessas eu teria matado por esta menina. Mas não estava legal e saiu de casa, ficou andando pelas ruas. Bombando ela, ela gemendo e falando que eu era muito gostoso q iria gozar de novo, falei – safada goza no meu pau de novo sua delicia pq eu to loko para encher sua bucetinha de porra, ela começou a goza e eu vendo ela gemer gozei muito naquela bucetinha, nossa que delicia nunca gozei tanto assim, tirei o pau de dentro e sentamos quase morrendo no banco de traz, ela dize – que foi o melhor sexo da vida dela que ninguém nunca fez ela gozar assim e ainda três vezes em uma transa só, nos vestimos e fomos embora, quando bate a vontade nela ela vai me buscar n o serviço, safada gosto mesmo do meu pau.

Quando trouxe o copo, mandei que deixasse na porta, alguns metros atrás de Jennifer, e ordenei que a putinha fosse, de quatro, bebê-la. Kelly tremia os dedos dentro de si, imaginando ser ela dando para o filho, ficou pensando se ela estaria apanhando, se o filho estaria comendo seu cuzinho nessa hora, sentiu seu ânus piscar, ela queria dar o cu, queria que o seu rabo sangrasse novamente no pau do filho, que ele a fizesse lamber aquela tora depois de fude-la, queria apanhar de novo, queria ser sua puta. e deu uma olhada na buceta dela, abrindo pra ver. Tomei tanta porra q nem tomei café da manhã pra ir trabalhar, fui pro trabalho cansada e nem conseguia sentar, mas valeu a pena.

Nem sonho, quer dizer, até sonho, mas não penso em enrabar ela de verdade. "Este conto foi enviado por uma coroa muito safada, usuária do Xvideospremium. Eu: – Quero dar na boléia, meu sonho.

Isso me faz feliz e a ela inda mais.

E o farde foi empurrando, forcando devagar porem com forca pra rola penetrar.