Morena Peituda Sentando Na Rola

visualizações

92 seg

Categoria:

Tag: , , , , , , ,

Morena Peituda Sentando Na Rola

Morena Peituda Sentando Na Rola

Poucos minutos depois a morena chegou onde eu estava, perguntou se podia sentar ao meu lado e eu obviamente respondi que sim. Tinha uma garçonete chamada Louise, que era muito peituda, bunduda, gostosa, rebolava deliciosamente ao andar e volta e meia estava acesa.

Até que ajeitei na entradinha da minha xota molhada e fui sentando bem devagar no pau dele sempre olhando pra cara do André que tava cheio de prazer…Comecei a rebolar bem gostoso no pau dele e meu clitóris ficava roçando nele, que delicia que tava aquilo, nós dois gemendo e ele pedindo pra não parar e quanto mais ele gemia, mais rápido eu rebolava!!Minha bucetinha tava escorrendo de tanto tesão, então ele pediu pra mim ficar de quatro e então eu me ajeitei, me empinei toda pra ele que ja foi logo socando a rola na minha xoxota… E começou bombando devagarzinho e foi aumentando mais a velocidade cada vez que eu gemia.

Foi no ano passado, no dia 12 de outubro que eu comecei vê-lo como homem, minha amiga saiu com o namorado e nós ficamos em casa sozinhos, saímos, fomos a uma locadora e alugamos uns filmes, (detalhe, todos os filmes que alugamos eram desenhos, sem nenhum pingo de malícia) Na locadora o Renato pegava na minha mão, se encostava em mim, mas eu tão ingênua achava tudo tão natural, qdo chegamos em casa ele se acomodou em um sofá e eu no outro, colocamos um vídeo e ficamos assistindo, de repente a mão do Renato veio ao meu encontro, ele pegou a minha mão e a levou até a sua boca onde ficou a beijando, ele alisava, beijava, acariciava e eu não entendia nada, ele então se levantou do sofá onde estava e veio em minha direção, confesso que senti um pouco de medo, estava surpresa com a reação dele, eu sempre gostei muito de sexo, mas nunca dei a entender isso a ele, pelo contrário, eu sempre tive o maior respeito a ele. Ela me escutou e colocou mais um dedo, apertei o sofá com força e gemi forte.

fode a bunda da tua putinha…machuca o meu cuzinho…hummmm que gostoso…. Sem saber o que fazer, desci peguei no banco de detrás uma necesserie, e fui molhar os pés no riacho numa sombra de árvores.

– Poxa… conheceu hoje e já foi pra cama?– Pra você ver, foi uma loucura.