Nanda amiga do whatsapp safadinha na siririca 1

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , , , , ,

Nanda amiga do whatsapp safadinha na siririca 1

Nanda amiga do whatsapp safadinha na siririca 1

Eu era bem medroso e enquanto meus país viajavam pedi pra ela ficar aqui CMG (ela e o irmao mas ele não veio;-;)então eu estava na sala e ela disse que foi tomar um banho eu me deitei no sofa e começou a pensar nela e deu vontade de me masturbar ela era muito linda aí assim que começei ela disse que não tinha toalha e estava indo pegar uma meio que ela viu uma parte daquilo e eu disse:-me desculpeEla disse que não tinha problema ela estava só de calcinha e sutiã ai derrepente disse que ela estava linda e ela deu uma risada e sentou do meu lado e botou minha mãe no peito dela ai eu dei um beijo nela e a gente começou a foder mas daquele jeito infantil que tipo não sabe fazer mas foi muito bom o irmao dela não foi lá mas ficamos o resto do final de semana juntosEsse foi meu conto tenho mais 2 outros se quiserem comente""Meg tinha uma amiga, Amália, que trabalhava como secretária de Mateus, grande comerciante atacadista.

– Vadia… Ele me chamou de vadia… Vadia – repetia– Ah Fernanda (nome fictício), não fica assim, homem quando fica bravo xinga de vadia, mas o que você faz na sua vida não tem nada ver com o seu serviço, e vice versa. Agora deixa eu me descrever fisicamente pq já deu pra perceber que no meu interior sou bem safadinha neh.

Certo dia um cara que era de um grupo de uns amigos, no whatsapp, nós nos conhecíamos, tínhamos se visto uma vez ou outra, porém nunca tínhamos conversado. Dei uma mordidinha na sua orelha e disse: “eu posso te proporcionar muito mais prazer do que so uma siririca… posso te chupar todinha ate vc gozar… vc quer?” Era uma grande sacanagem o que eu estava fazendo com ela! Logico que ela queria e que nao teria coragem de me pedir! Mas eu tinha que faze-la se libertar dessa prisao que ela vivia, por isso comecei uma especie de tortura… comecei a estimular, bem devagar, o seu clitoris com a ponta do dedo indicador e perguntava: “vc quer, Anne??” Como ela nao me respondia continuamos com esse ritual algum tempo.