Paola safada pedindo porra na cara

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , ,

visualizações

3 min

Categoria:

Tag: , , , , , , , ,

Paola safada pedindo porra na cara

Paola safada pedindo porra na cara

Leona segurava firme nossos pintos,masturbava e chupava com vontade,Lucas avisou que ia gozar,ele batia,batia e,gemendo,começou a gozar na boca e no rosto da safada,eu estava no auge do meu tesão,não aguentava mais segurar e disse:Uuuurrrrr caralho,vou te encher de porra gostosaaa!. Abaixou-se e ajoelhou-se, tomando meu pau em sua boca novamente.

Chegando na sala ele ligou o som na radio, me disse para sentar no sofá e foi à cozinha.

A safada me tascou um beijo, abaixou meu short e pegou muito gostoso no meu pau, que a essa hora ja estava doendo de tão duro, me beijando e me punhetando bem devagar, a mistura de tesão e medo de sermos descobertos, aumentava ainda mais o desejo de comer aquela loira gostosa.

Nos pegamos muito, ele começou a passar a mão nos meus peitos -que são BEM fartos- e logo foi descendo. Era só agente ficar só que eu já virava a bunda pra ele, as vez eu deitava de bruços e descia minha bermuda e ficava com a bundinha lisinha, arrepiadinha, pra ele… socar aquela piroca.

"Olá, meu nome é Rafael, moro no Rio de Janeiro e tenho 20 anos, moro aqui desde criança e com 18 anos comecei a namorar com uma menina chamada Paola, ela tinha 18 anos, morena clara, Cabelos longos até a cintura, peitos grandes, magrinha e uma bundinha empinadinha, Eu era louco pra comer ela, mas ela era virgem, ela me enviava fotos de calcinha, dos peitos dela, e só Estigava, eu não me contentava dela ao menos não pagar um boquete pra mim, ela tinha muito medo, pois usava aparelho, tinha medo de machucar, e só fica a dando beijos no meu pau.

Grita e bem alto que eu vou te foder bem forte e bem gostoso… Ela então se soltou de verdade, gemeu alto e gritava pedindo para foder ela com força, para meter muito em sua buceta.

Nessa altura meu pau estava duríssimo e já no meio das pernas dela, embora ainda por cima da camisola… Eu tirei devagar o pau pra fora, levantei a camisola, comecei a passar a mão nas pernas dela e senti que ela ficava toda arrepiada… fui baixando a calcinha dela até tirar completamente… Nesse momento pela primeira vez ela falou, pois até então ambos estávamos constrangidos e em silêncio: “como teu pau é grande e gostoso… é bem maior que o do teu pai” Aí eu perdi toda a vergonha e disse que achava ela a mulher mais gostosa do mundo, que sentia um tesão doido por ela e que meu sonho era comer a buceta dela….