Pornô caseiro filha de pastor bem safada tocando siririca para maridão tarado de barretos – sp

279 visualizações

34 seg

Categoria:

Tag:

279 visualizações

34 seg

Categoria:

Tag:

Pornô caseiro filha de pastor bem safada tocando siririca para maridão tarado de barretos – sp

Pornô caseiro filha de pastor bem safada tocando siririca para maridão tarado de barretos – sp

Nem tomamos o café direito, saímos com pressa e para meu espanto minha esposa pergunta:-Mari…o que você tem? Está andando meio esquisito, está machucada?Pela resposta da Mari percebi que minha filha sabe mentir bem…-Como assim…andando esquisito! Você inventa cada coisa mãe…vamos logo papai, não quero me atrasar, hoje a aula é importante sabe?Dirijo rápido para o motel, clientes matutinos dos moteis são os mais depravados, é só safadeza das mais impróprias. Eu não resistia e acabava batendo um siririca. Foi que ela parou e disse que tudo bem– Espera ai, você falou sobre isto com o pastor? Menina tá louca?Bom eu irei me identificar como amanda sou morena tenho 1,65 de altura 55 kilos com peitos e bunda fartos, moro com minha familia toda em uma vila meu primo que vou chamar de Eduardo é casado e tem uma filha mas sempre ficava me secando, sempre que passava ele me comia com os olhos e eu adorava aquele homem gostoso de 1,87 de altura morrendo de desejo por mim fazia de tudo pra chamar mais a atenção dele, teve um dia que saiu td mundo e ficou apenas eu em minha casa e Eduardo na dele, mas morávamos na mesma vila eramos vizinhos e ele que estavomos sós, chegou em minha casa bateu na porta e eu abri e perguntei “o que foi” ele responde “nada” e eu digo “o que vc quer” “ele diz quero vc gostoza” ai já não me segurei e fiquei toda molhadinha ele percebendo que já estava louca pra dá entrou e me puchou pela cintura me deu um beijo gostoso e começou a chupar meus seios sabendo que estava adorando tirou minha calcinha e começou a chupar minha bucetinha eu não aguentei gozei em 10 minutos ele sentindo o gosto da minha gala “mas que gala gostosa que vc tem” eu já estava doidinha pra levar o pau do meu primo e falei baixinho “mete gostoso” ele tinha um pênis de mais ou menos uns 20 cm e meteu todinho na minha bucetinha e falava “que buceta acoxadinha sempre quis comer ela” e eu gemia alto a cada socada que ele dava e quando ele estava perto de gozar mandou eu chupar aquele pauzão eu chupei gostozo e ele falava que minha boca era quentinha e gostoza isso me fazia chupar com mais gosto ainda até que ele gozou eu não queria parar de chupar mas tive que parar e no final da transa ele disse “essa foi a primeira de muitas”eu – Quer que eu de linguada ?Logo pensei de onde vinha o espírito de safadeza incorporado em mim e disse:Acordamos com batidas na porta, Felipe acorda e fica branco, ele diz “é a Bianca minha namorada”. Nessa hora o maridão já estava com o celular só fotografando. Próximo ao casarão, moravam numa casinha um casal de caseiros e sua filha.

Ela continuou tocando, afinal a mãe poderia estranhar não ouvir nada mal saísse de casa…Passados alguns minutos, ela parou de tocar, virou o corpo para ele.

Gemia sem parar e eu chamava ela de safada, ai que ela sentia mais tesão, continuei a mete nela, gosto de ver a mulher sentindo tesão isso é muito bommmm, ela não parava de gemer e começo a se treme e falando que ia gozar de novo, gemeu muito até gozar e pediu para deixar ela descansar, um minuto depois peguei ela e coloquei ela de quatro no banco e falei – me mostra o que vc sabe fazer safada.

Eu rebolava na cadeira, empurrava sua cabeça contra minha buceta, sentia sua boca quente, beijos e lambidas eram dadas pelo PINTOR TARADO.

Eu e a Yasmin sempre tivemos excelência em sexo, tudo era valido dentro de quatro paredes, levando todos nossos desejos para cama, sofá, carro, praça, trabalho, etc… Mas famoso Ménage à Trois, sempre ficava nos contos eróticos que ela lia, nos filmes pornôs que eu via, ou em algumas manifestações de desejo contando alguma história na hora H. Não é uma festa de peão como aquela famosa de Barretos, mas dá um agito e tanto na cidadezinha!E eu tinha sido escolhida para ser uma das garotas que ficam de chapéu, botas, camisa xadrez e shortinho, desfilando e ajudando os vaqueiros depois que eles caem e se machucam um pouco.