Pornô caseiro gata muito safadas gozando para amigo bem gostoso em joÃo pessoa paraÍba

1676 visualizações

1 min 20 seg

Categoria:

Tag: ,

1676 visualizações

1 min 20 seg

Categoria:

Tag: ,

Pornô caseiro gata muito safadas gozando para amigo bem gostoso em joÃo pessoa paraÍba

Pornô caseiro gata muito safadas gozando para amigo bem gostoso em joÃo pessoa paraÍba

"Numa 5ª feira a noite, precisamente dia 28/01/16 estávamos em nossa casa tomando umas cervejas e nos despedindo, Roberto iria com a mudança para SP no sábado e Angela iria direto da Paraíba para encontra-lo. SAimos dali e fomos direto pra um motel, entramos ao dwescer do carro comecei a beijar ela bem gostoso, entramos no quarto, eu beijando ela gostoso moredendo o pescoço ela começou a gemer gostoso, e a dizer que estava carente que o marido nao estva comendo ela direito, que o casamento nao estava bom, e eu beijando gostoso, mordendo, fui tirando a blusinha dela beijando os peitinhos, chupando eles todinhs bem gostoso, passei a mao na bucetinha por cima da calcinha e percebi que estava molhadinha, tirei a calcinha deitei ela na cama e cai de boca na bucetinha toda depiladinha, nossa ela se contorcia todinha, gemia gostoso ficava maluca, eu tirei a calça e fiquei so de cueca ela passando a mao no volume ficou maluca e falou nossa que rola grande, puxou ela pra fora, olhou e nao acreditou quando viu a rolona saltando pra fora, grande e grossa 19 cm de pica todinha ali na frente dela, ela começou a chupar, parecia que nao via uma rola a muito tempo, eu fiquei maluco com a boca dela na rola mamando gostoso, nossa que boca gostosa aquela, puxei ela pra cima deitei ela novamente beijei carinhosamente a boca dela, passei a mao na bucetinha, ela me olhou com carinha de tesao, carinha de quem esta dizendo me fode bem gostoso meu macho gostoso, eu olhei bem dentro dos olhos dela, e passei a rola na entradinha da bucetinha dela, ela deu um suspiro, um gemidinho gostoso me olhando nos olhos ainda, eu empurrei a cabecinha da rola, que entrou gostoso, parei e deixei ali na entradinha, ela quase chorando de tesao, me olhada e me chamava de gostoso, falava que pica gostosa, eu fui empurrando devagar até entrar todinha dentro, e parei um pouco, deixei ele la dentro e fiquei sentindo aquela bucetinha engolindo a pica todinha, olhei nos olhos dela e chamei ela de gostosa, dai passei a movimentar a rola dentro num vai e vem devagar, bem compassado pra ela sentir cada pedacinho da rola dentro dela, ela gemia gostoso, ficava maluca, começou a gemer alto, nao aguentei e mandei rola com força nela, bombava gostoso, ela urrava gostoso na rola, eu bombava cada vez mais forte, ela começou a gritar e a gosar gostoso na pica que gosada gostosa ela deu, eu dei uma diminuida mas mantive a rola dentro dela, deixei ela relaxar e voltei a movimentar bem devagar, e devagar fui metendo gostoso, e metendo, ela começou a gemer novamente na rola, e eu fui metendo e metendo ela louca de tesao começiou a gosar novamente, gousava igual uma louca na rola, a porra dela escorria e minha pica estava toda melada de goso dela, dai nao aguentei mais olhando aquela bucetinha toda melada e gosada, minha pica toda gosada do goso dela e minha pica inchou dentro dela e gosei gostoso, enchi a bucetinha dela de porra.

– eu disse que claro, que tanto eu como meu amigo iriamos contribuir para manter essa bunda perfeita, sem precisar de plástica. Pediu se eu tinha um creme desses de mulher passar no corpo, eu fui ao quarto e peguei um hidratante cheiroso e voltei a deitar no colo dele, estava muito gostoso ficar ali deitado no seu colo mamado bem devagar, sentindo cada momento mágico as carícias, ele passando creme no meu corpo, ma minha bundinha que tanto ele tinha admirado de longe e dizia que agora seria só dele… Eu estava louco de tesão de tantas carícias e ele quando passava creme no reguinho descia com um pouco na ponta do dedo e passava no meu cuzinho depositando cada vez mais dentro dele, eu tava delirando de tesão e seu pau já estava babando aquele líquido viscoso que forma um linha quando agente afasta a boca, uma delíciaaaa.

Gosto de vê-los excitados, gosto daqueles paus gozando pra mim e das palavras safadas. Sou casada a uns 10 anos, e de um tempo para cá meu casamento foi ficando sem graça acho que caiu na rotina, meu marido foi meu primeiro homem, e com o tempo começamos a nos desentender bastante, principalmente na hora do sexo, pois ele começou a assistir filmes pornô comigo, só que sempre era de vários homens comendo uma só mulher, depois começou a fantasiar nos dois e mais um ou dois homens me comendo junto com ele e acabou que eu me sentia mal com aquilo, pensava um monte de besteira, até que um dia brigamos feio e ele saiu de casa disse que iria passar uns dias no outro apartamento que tínhamos para esfriar a cabeça.

ola sou joao carlos tenho 42 anos casado ha 20 anos com uma mulher conservadora nunca tivemos lua de mel entam com os filhos criados resolvemos sair de viagem para uma chacara no interior de sao paulo saimos na sexta feira a noite e chegamos de manha cansados o caseiro e sua esposa nos receberam bem eram um casal de mais ou menos 50 anos a esposa era mais nova uns 40 anos logo ela se enturmou com a minha mulher eu e o sr antonio o caseiro nao somos de muita conversa tambem ficamos bem eu sai com minha esposa a cavalo pelo mato fomos ate uma cachoeira comecei a beijar ela logo estava transando eu sempre tive tesao por ela mais aquele lugar me deixou com mais esquecemos do tempo e veio o sr antonio ver oque aconteceu quase vio a gente sem roupa fomos para a casa dormimos um pouco a noite resolvemos sar e ir ate a casa do caseiro ja que nao tinha ninquem conhecido por perto ao chegar la eles estavam transando com a porta aberta o sr antonio estava comendo o cuzinho da esposa ficamos olhando um pouco e voltamos pra casa minha mulher es tava molhadinha e eu de pau duro comi ela na varanda tentei comer o cu dela mais nao deixou disse que tinha medo de doer nao insisti e dormimos de manha a esposa do caseiro veio buscar minha esposa para nadar no lago eu fiquei descansando depois fui tambem escutei uns gritos e me abaixei e vi minha mulher de quatro e seu antonio comendo ela a esposa dele armou tudo nao tive reacao fiquei olhando de pau duro o cara tem um pau duas vezes maior que o meu ela nunca gritou e gemeu daquele jeito comigo me senti um trapo fiz de conta que nem vi quando voltaram eu disse que iriamos embora no outro dia pois tinha negocios pra resolver ela concordou a noite tentei comer ela mais ela nao quiz sai pra fora e camihei ate o lago sr antonio veio atraz e ficamos conversando sem deixar ele saber que eu vi tudo pois estava humilhado eu senti tesao ao lembrar da cena ele me pediu para ver meu pau estranhei mais ele disse que queria me chupar vi ali a chance de me vingar sem jeito eu neguei mais ele pegou no meu pau e abocanhou tudo dizendo meu gostoso comi sua mulher mais queria era te dar naquele escuro via so o vulto dele me chupando entao senti meu pau endurecer ele lambia eu ja nao aguentava mais nunca tinha feito isso com homem ele se virou e eu comi o cuzinho dele ele senou em cima de mim e com a mao acariciava meus graos e passaca o dedo no meu cu eu estava gostando ele tentou me comer mais nunca dei e ele era pauzudo demais depois de um tempo resolvi experimentar ele cuspiu no pau e veio empurrando quando entrou a cabeca senti tanto tesao que me abri e ele pois tudo doeu muito mais ele nao parou ate colocar tudo eu estava quase gozando ele tirou e pediu pra chupar ele me chupava e esfregava o pau duro na minha cara entao eu bati uma pra ele e gozamos depois como se nada tivesse acontecido voltei pra casa abracei mimha esposa no outro dia despedimos deles e fomos embora nois nunca haviamos trido um au outro la fizemos tudo eu sabia dela e ela nao sabe do que eu fiz ate hoje nunca esqueci a cena dela com outro e me mastuebo de lembrar a transa minha e aquele cara que alem de comer minha esposa me comeu tambem.

"Faltava apenas três semanas para o fim das aulas e tinha algumas provas chegando! Tínhamos que fazer esse trabalho o mais rápido possível para que pudéssemos começar a estudar para as últimas provas e também para os vestibulares! Uma vez que não tinha mais nada a fazer a respeito do trabalho, eu me levantei e estava puxando minha cadeira para longe deleEssa caseiro se chama Pedro, aparentemente já com seus mais de 40 anos, morava proximo a principal casa da fazenda com sua esposa e seu filho adolescente.

Nós moravamos no joão paulo em São luís do Ma, onde ainda moro,só mudei de bairro algumas vezes.

"Ola pessoal, sou Paulo, e essa historia aconteceu recentemente.