Velha chupa pinto no carro para engolir porra

visualizações

7 min

Categoria:

Tag: , , ,

visualizações

7 min

Categoria:

Tag: , , ,

Velha chupa pinto no carro para engolir porra

Velha  chupa pinto no carro para engolir porra

Depois apertando o meus peitos…… isso me deixou doida!!! Lembro ele deu três metidas e gozei pela terceira vez, acabando comigo!!! Quando ele me viu gozando novamente ele disse: porra e eu??? E rimos muito kkkkkkkkk !!! ele me colocou de bruços na cama e deu a primeira metida!!! Mas eu pedi para parar!!! Estava assada!!!! RsrsrsrVolto aos meus pensamentos e sensações… Minha vagina se contrai e sinto que ela esta molhando… é como se ela estivesse se preparando pra te encontrar.

Em alguns instantes senti uma cabeçorra de pica forçar a entrada de minha buceta, já não escondia meus gemidos que mais pareciam urros, senti milímetro a milímetro aquele pau enorme avançar pela minha estreita buceta, gozei, gozei, gozei, não sei quantas vezes, e atordoada pelos intensos gozos, me vi de bruços e senti aquele maravilhoso pinto vencendo as resistências de meu cuzinho tão pouco explorado.

Tive que chupar os dois, claro.

Trabalho no período noturno e nessa que foi a ultima semana útil de 2015 o pessoal que trabalha durante o dia foram para um bar próximo a empresa para fazer um amigo secreto e confraternizar pela última vez no ano, nesse dia eu estava de plantão e por trabalhar sozinho no meu setor não pude participar e o porteiro que fica na empresa com migo foi pra fará, por volta das 22hrs uma moça que trabalha durante o dia tocou a campanhinha, (vou chamá-la aqui de Camila) eu fui atendê-la vi que ela estava muito bêbada disse que não iria conseguir dirigir é sua casa e perguntou se podia ficar na sua sala e tirar um cochilo até ficar melhor disse que sim perguntei se não queria chamar um taxi ela disse que não, eu voltei pra minha sala e ela foi para a dela. Senti náuseas por que o cheiro dela estava muito forte (depois fiquei sabendo que ele batera punhtae a noite e não tomará banho depois, era cheiro de porra velha). Nos saímos e quando entramos no carro ele foi logo colocando uma mão por dentro da minha saia e foi passando por cima da minha calcinha que já estava toda molhadinha. Mal podia esperar, porém consegui me controlar e fui descendo lentamente, até engolir a cabeça.

Isabel me abraçou por trás.