Video Amador Fora Do Normal Amiga Vadia Da Faculdade Louca Por Pica Sexo Para Seu Comedor – Porto Alegre

2 min

Categoria:

Tag: ,

visualizações

2 min

Categoria:

Tag: ,

Video Amador Fora Do Normal Amiga Vadia Da Faculdade Louca Por Pica Sexo Para Seu Comedor – Porto Alegre

Video Amador Fora Do Normal Amiga Vadia Da Faculdade Louca Por Pica Sexo Para Seu Comedor – Porto Alegre

Mas o fim dessa história conto pra vocês depois…Que agora eu to com muito tesão e quero TRANSAR""Olá pessoal , sou muito fã de putaria de todo tipo, e tive uma experiência há uns dias que me deixou maravilhado, sempre gostei de passar os finais de semana na casa de minha sogra em sítio um pouco afastado da cidade uma dia quando andava pelos arredores da casa vi o sobrinho de minha mulher de uns 13 anos trepando com uma ovelha que por ser “ingeitada” é como o pessoal fala quando o animal é abandonado pela mãe, pensei em falar alguma coisa mas fiquei quieto e comecei a assistir o muleque comedor de ovelha percebi que ela tava solta parecia já está acostumada de repente fui ficando de pau duro tbm fui me aproximando devagar quando ele terminou falei ae muleque se divertindo hein ele gelou ficou pálido então terminei fique de boa que eu não falo nada interroguei e minhas suspeitas estamos corretas ele pegava a ovelhinha quase todo dia como estava com uma bermuda fina ele percebeu meu pau duro e já foi sorrindo de canto de boca e vc quer pegar ela tbm hein tio tirando onda de minha cara Vai lá tio mete aí é de boa e é muito bom e lá fui eu sem cerimônia quando botei o pau pra fora o muleque disse caraio só não sei se ela aguenta kkkkk… mas nem sou isso tudo kkk… comecei a bombar na ovelhinha e nossa tao apertada fui enterrando aos poucos comecei a entrar e sair com tudo meti com força bem animalesco mesmo e gozei muito forte… eu e o sobrinho de minha mulher repetimos várias vezes a dose as vezes vou só tbm percebi que meu sobrinho parou de ir comigo então percebi que ele já tinha conseguido outra ovelhinha kkkkk me pediu pra não pega a dele que cada um ficasse com a sua kkkk sou fã de uma ovelhinha agora sempre pego ela ou outraKkkkk é viciante falou pessoal até a próxima"E começei a fazer cada vez mais rapido , ela por sua vez falando – hummmmm mete , come meu cuuuuuuu"DE REPENTE SURGIU UMA OPORTUNIDADE E FUI PARA SALVADOR USAR UMAS DIÁRIAS QUE AINDA TINHA.

Falando isso ele ficou espantado, mais eu já não aguentava mais queria chupar aquela rola, ele partiu em minha direção puxou minha calcinha de lado e chupou minha buceta que a essa altura já estava encharcada, rebolava na cara dele gemando baixinho, ele sentou no sofá eu não pensei duas vezes abocanhei aquele pau sugando, lambendo, mordendo levemente, tudo que tinha direito enquanto ele enfiava o dedo no meu cuzinho, sentia o pau dele pulsar na minha boca, ele me agarrou e me puxou para cima ele sentado e eu em cima cavalgando na sua rola, ele mordendo meu peito me apertando uma pegada forte mordia, me chupava, uma delícia senti ele tirando o pau da minha buceta estava todo lambuzado, senti ele passando a cabeça do pau dele no meu cuzinho apontando só a cabecinha, gemia gostoso já sabia o que estava por vir, sentei com muita força no pau dele, nesse momento ele me apertou forte fui dominada por um prazer imenso , aquele pau no meu cuzinho me arrombando eu gemia e pulava muito, mas em silencio pois ninguém poderia nos descobrir, gozei no pau dele duas vezes um prazer enorme, depois ele mandou eu ajoelhar e gozou na minha cara todinha, depois lambeu minha boca com um restinho de porra que ainda restava, nos recompomos e fui para o meu quarto dormi, deitada fiquei imaginando como fui louca de ter feito isso tudo e como fui excitante, tenho mais algumas histórias com meu cunhado que vou contar nos próximos contos. (Pra minha surpresa nessa mesma noite minha tia falou a meu tio que eu sou gay)No outro dia minha tia foi trabalhar e meu tio estava de folga,e ele foi me acordar para irmos a praia,acordo com aquele homem gostoso sem camisa batendo em minha bunda,quando vi que era ele já fiquei de pau duro,olhei pra ele e falei-Qual foi tio,vai ficar batendo em minha bunda mesmo-Vou eu sei que você gosta-Anh? O que cê ta falando tio?-Eu sei que você é gay,não me importo.

Fiquei estremecido de tesão,meu pau estava latejando e melado,joguei minha camiseta no sofá enquanto Amanda deitou-se de bruços no sofá em que estava sentado com seu rosto na altura do meu pau,ela começou a passar a mão por cima da bermuda,fazia carícias em todo o pau,no saco e foi descendo as mãos pelas minhas pernas enquanto colocava a boca no meu amigão ainda por cima da bermuda,eu já estava louco de prazer e me contorcia no sofá.

Várias vezes presenciei Danilo com a mão em seu pinto por dentro da bermuda,mexia,fazia movimentos e parava,ficava sentado no sofá com a mão lá por um bom tempo,falava pra mim que fizesse o mesmo pois sentiria algo muito gostoso e que,depois de fazer a primeira vez,não iria querer mais parar,falou que seu pai dizia que todo homem fazia isso,que era normal,disse ter visto uma vez,seu pai vendo filme de mulher pelada onde a mesma chupava o pinto do homem e ele disse que ficou com o pau duro mas que não contou ao pai o que tinha visto,falou que as mulheres eram gostosas e eu não entendia,fiquei envergonhado e subi para o quarto,fiquei pensando em tudo o que havia escutado e visto. Ela se posicionou no sofá de quatro, olhou para nós e pediu para Claudia me ajudar a encontrar o caminho (que putinha), Claudia para de mamar e segurou o meu pau e foi me puxando, paramos atrás de Marcelinha, Claudia deu mais uma chupada, só que desse vez ela sugou, deixando meu pau com menos saliva possível , parou e foi colocando a cabeça do meu pau no cuzinho de Marcelinha, dizendo que ela gostava a seco e pediu para eu socar sem dó, para colocar tudo de uma vez na vadia dela, caralho fiquei loko e principalmente quando Marcelinha pediu para:M – Come meu cu sem dó, puxa a minha calcinha até a rebentar ela.

Me chamo Carla, sou morena clara, 69 kg, 1,68 cm, não sou nenhuma modelo mais tenho um corpo atraente, sou alegre e faço amigos com facilidade.

Parecendo que ela não me escutou, ela começa a falar de que o atual noivo dela era muito grosso, que maltratava ela, humilhava e queria que ela largasse a faculdade de direito.

Então assim tive certeza que era vídeo porno que ela via enquanto se masturbava. Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal.