Video Amador Fora Do Normal Gostosa Peitinhos Pequenos E Rosas Gemendo Pra Valer Nessa Foda Gostosa Do Seu Macho De Recife – Pe

75 seg

Categoria:

Tag: ,

visualizações

75 seg

Categoria:

Tag: ,

Video Amador Fora Do Normal Gostosa Peitinhos Pequenos E Rosas Gemendo Pra Valer Nessa Foda Gostosa Do Seu Macho De Recife – Pe

Video Amador Fora Do Normal Gostosa Peitinhos Pequenos E Rosas Gemendo Pra Valer Nessa Foda Gostosa Do Seu Macho De Recife – Pe

aproveitem entrem em contato tenho videos.

Ele queria que fizesse um filme erótico amador, onde ele seria o diretor e câmera, e eu seria sua atriz principal. Não que eu não aguentasse ou não quisessem 8 rolas, pois fiquei só imaginando a chuva de porra nos meus peitinhos, acontece que fiquei com medo, pois não conhecia essa homarada toda. A noite normalmente sempre termina com eu ajoelhada chupando um ou dois pauzões e masturbando outros e tomando bastante leitinho na cara.

– Você me acha gostosa, é?– Er… han…Ela sorriu e então pegou na minha mão que estava em frente do volume do meu pénis.

Agora estava totalmente preenchida pelos dois que estocavam para valer em mim, quando meu marido filmava aquilo tudo.

– Issooooo, meu bem!!! Que delícia!! Foder uma menininha lindinha como você é bem melhor que dar pra um macho!! – ouvi ela falando e fiquei muito orgulhosa. No sabado, acordamos por volta das 09:00hs, aprontei-me para ir ao café e praia, Marcela ficou no apto se arrumando, enquanto esperava fora do apto, quando saiu veio de fio dental e uma entrada de banho, perguntou que tal?, disse que tava linda e gostosa, tomamos café, o hotel tava lotado, no café reparei mesmo que tinha um grupo grande de jovens, e ficaram olhando pra ela, saimos pra praia, fomos para uma barraca, o garçom nos serviu caipirinha e petiscos de peixe, ficamos bem a vontade, Marcela vez por outra ia a praia tomar banho, quando voltava via que até o garçom olhava, até comentei e ela ria, voltamos por volta das 14 horas pro hotel, ficamos na piscina, numa tenda e ela numa cadeira bronzeando a bunda, tinha uma rapaz que estava vizinho a nós e o se apresentou dizendo que estava com um grupo de Recife, na conversa disse que veio com os amigos passear, que estava sozinho e os demais com as namoradas, pois tinha saido de um relacionamento a pouco tempo e queria no momento ficar só sem compromisso, senti que ele tava jogando charme pra cima da Marcela, me deu ciumes e tesão ao mesmo tempo, bom já estavamos um pouco tontos com tanta caipirinha, Marcela foi pra piscina ficamos conversando, então fui no apartamento buscar o celular, quando voltei, os dois estavam na piscina bem perto um do outro conversando e rindo, quando cheguei a Marcela saiu da piscina e o rapaz ficou lá, pouco depois saiu também, notei um volume no seu short, mais nada comentei e Marcela só ria, então, como já era tarde quase 18 horas, nos despedimos, o cara já descarado apertou minha mão e deu um beijinho no rosto da Marcela, saimos também, perguntei o que houve pois tinha visto os olhares e vi o volume no short dele, ela disse amor não foi nada demais, ela olhou pra mim e viu que eu também tava de pau duro, riu e disse no apto te conto, chegando lá ela disse que quando sai ele foi pra piscina e ficou cantando ela, que encostou o pau nela, dizendo que era gostosa, ela disse que eu poderia vim e não fez nenhuma reação, disse amor ele ta tarado em mim, não fizemos nada, foi logo pegando no meu pau, ela então disse não faço nada pra te magoar, então tive coragem e disse não amor, estou gostando disso, então tomamos banho, Marcela disse podemos fazer algo diferente que nunca fizemos eu disse você que comanda então ela disse não vai ficar com raiva nem ciumes, eu disse não amor, então tomei banho e me deitei pra descansar, ela ficou um tempão no banheiro, voltou colocou uma calcinha branca de renda, uma saia preta justa e bem curta, uma blusa branca sem sutiã, mostrando os peitões, saimos para o deck pra tomar um vinho, quando o rapaz chega com o grupo, ficaram conversando, veio nos cumprimentar,disse vocês vão sair, ele disse sim, perguntei não quer ficar conosco, a Marcela só olhando, então ele disse legal vou avisar o pessoal, voltou sentou-se conosco no inicio só papo banal, pois o clima tava meio tenso, quando perguntei ja ficou com casal, ele disse nunca, perguntei tem camisinha ele disse sim, eu disse vou pro apto espero vocês la, depois de uns 15 minutos chegaram já abraçados, Marcela já bem a vontade sem batom, ficaram num amasso e eu sentando numa poltrona, quando Marcela tira o pau dele pra fora, vi que era duro mesmo, e medio, começou a chupar, depois foi tirando a roupa, ficou só de calcinha deu a buceta pra ele pegar, depois deitou-se e ele passou a chupar sua buceta, ele colocou a camisinha e meteu, como ela esta com muito tesão começou logo a gemer dizendo que tava gozando, virou-se e ele passou a come-la de 4, ela gozou umas 3 vezes pra depois ele gozar, depois disso ela pediu pra ele ir embora, ele atendeu e ficamos, fui pra perto dela, institivamente ela colocou minha mao na sua buceta que pingava com seu gozo pedindo pra mim meter meti e gozamos juntos, foi maravilhoso minha vez como corno assumido. Ela era uma loirinha tao gostosa que sò de lembrar jà fico com minha xoxota molhadinha…Fomos então os 5 para a tão esperada festa eu no fundo sabia o quão bom ia ser… Então bebemos atè não aguentar mas. Mete mais um pouco em mim– Pode de deixar, adorei te ver gozar feito louco e gemendo.

Ele chegou, levando um buquê de rosas para Meg, e não sabia que Rejane estaria lá. "Boa noite e meu primeiro conto aqui entao espero ser claro e que voces gostem, pois bem me casei cedo e ela e ta igreja e então sexo so o convencional, usarei nomes falsos deixa eu me apresentar me chamo Diego na época eu tinha 23 anos sou Moreno 1,79 e com 90 kg eu já não vinha com o casamento legal pois eu queria algo a mais foi então que conhecia a Fernanda numa sala de bate-papo meses de passaram e as coisas ficaram quentes primeiro mês conversar depois nas fotos, passamos pra web e até sexo virtual entao não aguardávamos mais e fomos nos encontrar no caju rj um lugar bem movimentado ela era casada também mais falava que o marido não a agradava na cama então no encontro nos vimos e conversamos por uns 5 minutos e não aguentamos vamos pra um motel eu cheio de tara de tudo que falei,vi e ouvi ja sabia oq fazer quando entramos eu fechei a porta e ela nem teve reação pois eu já a peguei por trás colocando ela contra a parede e segurando seu cabelo já apertando seus saio que eram durinho que por sinal ela tinha leitinho pequenos e uma bundinha pequena mais uma buceta e um cu maravilhoso ela já sabia o que eu queria mais ela nunca tinha feito anal ainda então ela falava vai acaba com sua puta eu joguei ela na cama e comecei a chupar sua buceta lisinha e seu grelinho alta se virava de lado para o outro gemendo e gritando vai acaba com a sua puta e eu comecei alternar em chupar seu cu e a buceta ai ela eloqueceu de verdade segurava minha cabeça forçando contra a sua buceta e falava vai me faz gozar e quando percebi estava contraindo seu corpo e liberando seu melzinho na minha boca ela ficou toda mole na cama eu então pequei sua cabeça e truxe até meu pau e já fui enfiando na sua boca ela chupava como se fosse uma Bezerra eu urrava pois ela chupava e olhava pra mim quando mais eu urrava ela chupava com mais vontade depois de uma 5min eu não aguentei e gozei na sua boca ela se assustou pois seu marido nunca gozou na b9ca dela mais ela estava louca continuava a chupar e derrepente ela parou olhou pra mim com meu pau na boca e engoliu aquilo me deu um tezao que ja tirei e fui logo botando ela de quatro e metendo numa estocada so meu pau todo na sua buceta eu metia como um animal meu pau entrava e sai meu saco batia na bunda dela eu segurava seu cabelo e batia na sua bunda ela estava louco ja tinha uns 20 min e ela tava quase gozando ai me aproveitei ela gritou vai caralho vai que vou gozar porraaaa eu então parei e fiquei com meu pau todo dentro dela ela ficou puta e gritava vai caralho me fode arromba sua puta me fode caralho quero gozar eu fui no ouvidinho dela e disse quer gozar minha puta quer e ela com a voz trêmula disse quero me fode vai eu disse me da oq eu quero sa não eu paro agora e vou embora ela começou a balançar a cabeça enorma de não eu voltei a meter nela e ela urrava isso caralho vaiiiii vou gozar porra eu parei ela louca falava ai caralho me faz gozar e eu então falei implora pra mim comer seu cu ela louca olhou e disso vai arromba meu cu seu filho da puta eu peguei e encostei meu pau no cuzinho virgem dela e eu brincava passando o pai no cu e na buceta até que ela abixou a cabeça deixando sua bunda bem empinada e falou vai caralho seu filho da puta come esse cu eu encostei e forcei um pouco mais estava muito apertado mais ela estava louca e gritou vai caralho soca no meu cu porraaaa eu então forcei e ela veio com o cu contra meu pau no que entrou de uma vez ela gritou caralhoooooo filho da puta de me rasgando Eu parei ela me deu um tapa e disso agora acaba comigo e me faz de sua puta ai eu comecei a bombar ela louca gritava isso caralho que delícia foda meu faz virar sua puta quando eu sentir seu cu contraindo meu pau dentro do seu cu e no que ela levantou a cabeça e urrou caralhoooooo to gozandoSei filho da puta e gozou mouito pelo cu no que eu comecei a meter três dados na sua buceta e fudia junto com meu pau no cu dela ela ficou louco e gritava caralho to gozando pelo cu e pela buceta ela começou a gozar feito louca eu então medo fundo e gozei ela apertava meu pau com o cu e a buceta contra mais dados eu então enchi o cu dela de porra vai pro lado e respirando ofegante ela virou e falou meu cu e seu todo seu… espero que gostem até a próxima. Na terça, fui lá, ela me recebe toda sorridente, e mto gata, um vestido soltinho, decotado, quando ela virou eu morri, que rabão, tomamos umas e fomos chegando cada vez mais perto e rolou um beijo, e ai a coisa esquentou, ela estava mto tarada, fomos tirando a roupa um do outro e ela caiu de boca chupando mto meu pau, depois me beijava, eu chupei os peitos e fomos pro quarto, chegando lá deitei e ela veio chupando de 4 virada de lado pra mim eu coloquei dois dedos naquela buceta e comecei a socar, puxei ela para um 69 e ela delirou, depois coloquei ela deitado e cai de boca na buceta, chupei um tempão que ela acabou gozando, e veio pra cima de mim e cavalgou no meu pau e eu chupando os peitos dela, nessa posição ela gozou de novo, então peguei ela de 4 e fodi gostoso aquela bunda, queria comer o cuzinho, mas ela disse que hj não, nem me importei, continuei bombando naquele bundão tirei o pau de jorrei mta porra naquela bunda gostosa, óbvio que pela experiencia ela dava um pau na filha, era mto gostosa, mas a filha é novinha, super delicia, e eu queri continuar comendo ela rsss, conversamos e ela mesma disse que não queria que a larissa soubesse e se nós quisessemos sair de vez em quando ela dava um jeito, ela tinha separada fazia 1 ano e estava há 7 sem trepar, disse que saiu com um cara, mas que nao sai mto e tal, bom resumindo, continuei comendo mãe e filha, e a carol é claro, porém a carol meio que pulou fora do barco, a carol e a larissa treparam comigo juntas mais umas duas vezes e eu via que a Larissa tava meio com ciume princpipalmente pq sabia que eu tinha saido sozinho com a carol umas vezes, por isso a carol pulou fora, ainda fiquei comendo a Larissa e a Suzanne mae dela por uns 6 meses, até que ela arrumou um namoradinho, pois eu não queria namorar ela e a suzanne nao permitiria tb, ainda mais pq comia ela né, enfim, eu comi a suzanne por mais uns 6 meses e ai paramos, eu tb comi a Larissa de vez em quando, ela traiu o namoradinho comigo, pq dizia que eu era safadao, o carinha tinha uns 19 anos, mas por fim deu parei com elas antes que desse rolo, mas foi mto bom tudo isso.