Vídeo Caseiro Que Caiu Na Net Esposa Amadora Batendo Bem Gostoso Comedor Da Faculdade De Juiz De Fora – Mg

3 min

Categoria:

Tag:

visualizações

3 min

Categoria:

Tag:

Vídeo Caseiro Que Caiu Na Net Esposa Amadora Batendo Bem Gostoso Comedor Da Faculdade De Juiz De Fora – Mg

Vídeo Caseiro Que Caiu Na Net Esposa Amadora Batendo Bem Gostoso Comedor Da Faculdade De Juiz De Fora – Mg

Chamei minha esposa que veio toda linda, shortinho de ceda e sem calcinha.

Um certo dia, eu estava com meus hormônios à flor da pele quando saí da faculdade, e resolvi atear fogo nos “desejos voyeuristas “ de Daniela, ou seja, ela iria me observar querendo ou não.

Ela dizia que queria dar pro caseiro, que eu seria seu corno e me perguntava se eu vi o quanto ele estava com tesão ao me ver daquele modo e dizia que queria aquela pica dentro dela e gozou gritando que eu seria seu corno manso.

Comecei a ler alguns contos, ver alguns vídeos, e o tesão que eu já tinha naturalmente só aumentou.

Quando encontrei Nando no elevador e quando ele me viu soltou um grande sorriso e foi logo dizendo que estava morrendo de saudades dos nossos papos eu ali senti que tinha um grande amigo e eu me convidei para ir no apto dele jogar ele aceitou no ato e subimos para e começamos a jogar mais nenhum dos dois queria nada daquilo e eu disse: não para mesmo para os personagens fazerem o que fizemos e ele disse que preferia ao vivo e foi colocando o pau para fora fiz o mesmo e peguei no pau dele e ele no meu só desta vez ele gozou primeiro e eu tive uma reação de não acreditar quando vi porra jorrar na minha mão e ele apressou em dizer que estava morrendo de tesão não deu para segurar e ele parou de me punhetar e foi se limpar confesso que fiquei decepcionado, quando ele voltou e como era muito cedo voltamos a jogar, mais eu não me concentrava no jogo e ele percebendo perguntou se eu queria mais e balancei a cabeça afirmativamente ele tirou o pau para fora e pediu para eu punhetar e fiz e o pau dele endureceu rapidamente e punhetei gostoso e ele a mim e desta vez gozei e me limpei e voltei a pegar no pau dele para continuar esperando que ele pedisse o mesmo mais ele não disse nada e continuei a punhetar e ele não gozava e perguntei se ele sentia dor novamente por não gozar e ele disse que estava bom desta vez e que eu continuasse e assim o fiz, mais depois de um tempo reclamei que doía meu braço e perguntei se ele não queria do outro jeito, Nando soltou um sorriso e eu abaixei minha bermuda e como tinha visto no filme me ajoelhei no chão e apoiei a barriga no assento do sofá e ele veio por trás e começou a passar o pau no meu cu, e eu me arrepiei todo e adorando mais ainda do que a ultima vez, Nando passou a cabeça acertando meu cu em cheio, instintivamente empinei a bunda e senti meu cuzinho piscar e senti meu cu todo melado o pau de Nando soltava muito liquido e aquilo deixou meu cu todo melado e quando senti de novo a cabeça bem no meio do meu cu e empinei mais e mais minha bunda e forcei a bunda um pouco para trás e senti a cabeça forçar a borda, ardeu um pouquinho mais apesar disto a sensação era muito mais muito boa, Nando recuou e pediu desculpas e eu não entendi o que ele tinha feito e eu perguntei o do porque e ele disse que quase enfiou em mim que tinha sido sem querer que não estava agüentando de tanto tesão. O lek era um comedor de cu…dezoito anos e sabia como arrombar. Eu gozei batendo punheta, dei um banho de porra na vadia, ouvindo ela contar os detalhes de como foi fudida por outro macho.